As férias no Zmar

A ideia não é fazer-vos inveja das minhas férias que agora terminam… ou talvez seja. 🙂 Esta era a minha vista diária.

Descobri o Zmar através de uma amiga sempre atenta a estas coisas e contrariamente ao que é habitual fiz a reserva em Maio. Daí até lá chegar fartei-me de ouvir vozes a bradar aos céus que clamavam que nem mortos, que aquilo estava uma desgraça, que nem daqui a 10 anos, um deserto… etc etc etc.

Pois vim de lá a pensar que se calhar este até foi o melhor dos anos para lá ter passado férias.

Continue reading “As férias no Zmar”